Notícias

Dicas para entrevista de emprego

03/06/2016

 

Por Elisa Monteiro

 

Em tempos difíceis, com indicadores de desemprego cada vez maiores, vale a pena se atentar para algumas condutas que podem contribuir para se sair bem na entrevista de emprego. Hoje no mercado temos uma quantidade significativa de profissionais dispostos a enfrentar os desafios propostos pelas empresas, mas falta “qualidade” nestes profissionais. Entenda “qualidade”, como um fator diferencial que será crucial para Você ser o selecionado.

           

Percebo hoje muitos candidatos “perdidos”, pessoas sem propósitos e que não sabem o que querem para as tuas vidas. Enquanto especialista do comportamento, me assusto, pois com a mesma intensidade que querem “qualquer” emprego, desistem dele pelos motivos mais torpes. Por mais tradicional que seja, o conceito de busca por pessoas comprometidas ainda é um fator preponderante na escolha dos candidatos. E não é possível haver engajamento / envolvimento com o que se propõe a fazer se não houver interesse/ motivação para isso. Daí a importância de trabalhar fazendo o que gosta.

 

Cuide da sua aparência e postura - a apresentação pessoal diz muito da personalidade do candidato, daí a importância de vestir-se bem, de estar higienizado. O selecionador olhará para você desde o momento em que você chegar  à empresa. Suas posturas e comportamentos serão avaliados a todo momento. Portanto, evite: bonés, chapéus, maquiagens exageradas e muitos apetrechos. Vigie também sua postura, procure ser cordial e simpático. Evite ficar no celular enquanto aguarda ser chamado e jamais se deite ou coloque os pés nas cadeiras da recepção ou sala de seleção.

 

Conheça mais sobre a empresa - antes de ir à entrevista procure informações sobre o ramo do negócio, qual o segmento, qual a missão, visão e os valores da empresa. Pois pode acontecer de o entrevistador realizar a famosa pergunta: “Porque você quer trabalhar conosco?”. O conhecimento acerca destas questões poderá lhe ajudar nas respostas, além de que para você (candidato) pode ser um critério de escolha ou de recusa da empresa

 

Comunique-se: A fluência verbal também será um diferencial. Fale de forma clara e segura. E fale somente o necessário, respondendo as perguntas direcionadas a você. Falar a verdade é uma virtude e te ajudará a evitar gagueira. O bom vocabulário também é importante. Seja simples! Evite palavras difíceis e gírias.

 

Se prepare: Planejamento e organização são competências valiosas e que podem ser desenvolvidas desde uma simples organização para a entrevista de emprego. O objetivo da entrevista de seleção é de conhecer o candidato. Portanto, se conheça! Se você não demonstrar autoconhecimento, com certeza o recrutador não terá credibilidade nenhuma em você. Anote quais são as suas melhores qualidades e seus pontos fracos (aquilo que precisa ser melhorado). Registre também, as melhores habilidades (aquilo que você sabe fazer) e áreas de interesse (aquilo que deseja aprender). E por fim, anote quais são seus projetos de vida. Todas as pessoas são movidas por sonhos e objetivos e o recrutador quer saber quais são os teus.

 

Elisa Monteiro

Psicóloga e Supervisora de Recursos Humanos do Hospital São Francisco

Please reload

Em destaque

Ministério da Saúde: Brasil registra 78.162 casos de coronavírus e 5.466 mortes da doença

Secretaria de Saúde do DF: Sétimo dia de testagem em massa re...

NOTÍCIAS ATUALIZADAS SOBRE O CORONAVÍRUS

04/30/2020

1/5
Please reload

Últimas notícias
Please reload

Arquivo
Please reload

Busca por assunto
Please reload